Projecto SUSTENTURIS

GEOTA – Projecto SUSTENTURIS PREVENT CROWDING: Detecção, Monitorização e Gestão do Crowding em Tempo Real nos Bairros Históricos de Lisboa

A APECATE está a colaborar com o Grupo de Estudos de Ordenamento do Território e Ambiente – GEOTA e com o Instituto Universitário de Lisboa no projecto SUSTENTURIS PREVENT CROWDING: Detecção, Monitorização e Gestão do Crowding em Tempo Real nos Bairros Históricos de Lisboa.

O projecto SUSTENTURIS PREVENT CROWDING é composto por várias soluções de detecção e gestão do crowding, sendo estas:

  • Rede de detecção em tempo real de situações de pré-overcrowding (quantidade excessiva de pessoas presentes) nas principais artérias/zonas dos bairros históricos;
  • Aplicação móvel representando os níveis de congestionamento desses locais, sob a forma de heat-maps, bem como itinerários alternativos mais sustentáveis dirigidos aos visitantes e profissionais do turismo;
  • Capacitação dos profissionais do turismo para aprofundar conhecimentos sobre a gestão do crowding e sustentabilidade, bem como da utilização da plataforma.

Este projecto surgiu da constatação da severidade compreendida pelas populações dos bairros históricos dos efeitos do crowding. Após o levantamento da informação, através de pessoas que vivem e trabalham nestas comunidades, pelas as associações de moradores e património e pelas juntas de freguesia, revelou-se que, apesar das comunidades dos bairros históricos estarem habituadas à presença turística, a incomodidade associada ao crowding, sentida na actualidade emerge sobretudo da acumulação da presença dos turistas de passagem com os que permanecem nos alojamentos locais que surgiram em massa recentemente. É referido como agudização o efeito dos picos de elevada densidade de turistas decorrentes do desembarque de navios de cruzeiro no porto de Lisboa e à coexistência de visitas de grupo promovidas por operadores turísticos, empresas de animação e guias.

Este fenómeno é também apontado como tendo consequências directas no ruído, na limpeza urbana, na poluição atmosférica, na autenticidade da cultura e património e por fim no desagrado dos turistas na sua experiência de visitação.

Este projecto foi concebido em 2018, pelo GEOTA e é composto por 3 soluções concretas para a mitigação do crowding:

A primeira prende-se com o desenvolvimento de uma rede de detecção do crowding em tempo real nas principais zonas dos bairros.

A segunda solução consiste no fornecimento de aplicação aos turistas e aos profissionais do turismo (guias, condutores de transportes turísticos, etc.) que representa os níveis de congestionamento das zonas através de heat-maps, bem como itinerários alternativos menos congestionados e que maximizem a passagem por pontos de interesse das comunidades locais, tendo como critérios a autenticidade e a sustentabilidade.

A terceira solução concreta prende-se com a capacitação dos profissionais do turismo para a gestão do crowding através do melhoramento de competências e treino da utilização da aplicação.

O projecto SUSTENTURIS PREVENT CROWDING traz inovação em relação às propostas para a detecção e gestão do crowding que constam na literatura.

O Grupo de Estudos de Ordenamento do Território e Ambiente – GEOTA é uma organização não governamental de ambiente fundada em 1981, que opera em três grandes domínios: a educação, a formulação de doutrina política, e campanhas específicas sobre casos problemáticos, em matéria de ambiente e sustentabilidade.

About the Author

By secretariado / Administrator, bbp_keymaster

Follow secretariado
on Dez 20, 2018